A Assembleia Legislativa do Pará (Alepa) homenageou os 70 anos de fundação do jornal O Liberal com a realização de uma Sessão Solene na manhã desta segunda-feira (21/11), no plenário Newton Miranda, na sede do Parlamento paraense, em Belém. A sessão foi proposta pelo deputado Celso Sabino e aprovada por unanimidade pelos parlamentares em Sessão Ordinária.

O chefe do poder Legislativo, deputado Márcio Miranda, presidiu a sessão que contou a participação da banda de música da Polícia Militar. “É o reconhecimento público a grande importância que tem este veículo ao povo do Pará e a sua história. Uma história de modernidade. O nosso estado é um estado continental, de difícil comunicação e o jornal O Liberal tem cumprido, ao longo dessas décadas, o papel fundamental de integrar o estado, de auxiliar a notícia em tempo real, trazendo sempre profissionais excelentes para os seus quadros e também tendo a preocupação com a tecnologia, adaptando-se e modernizando-se ao longo dos anos e se transformando em um dos maiores meios de comunicação do Brasil”, disse o presidente Márcio Miranda.

A homenagem foi recebida de forma honrosa pela 3ª geração da família Maiorana, representada pelos jovens executivos das Organizações Rômulo Maiorana (ORM): Rômulo Maiorana Neto, Júlia Maiorana Martins, Giovanni Maiorana e Kalilo Kzan. “É com grande orgulho que nós recebemos essa homenagem da Alepa. São 70 anos de informação e serviço ao público paraense com qualidade e credibilidade”, disse Rômulo Maiorana Neto, diretor administrativo da TV Liberal.

A proposição da Sessão Solene em homenagem aos 70 anos do jornal O Liberal é de autoria do deputado Celso Sabino, que considera o veículo símbolo de hábitos dos paraenses. “O jornal O Liberal representa um veículo de comunicação de extrema importância para o nosso estado. O povo do Pará já está acostumado a recorrer ao jornal para ter acesso a informação de qualidade e com veracidade, além da parte esportiva e cultural. O jornal possui uma excelente qualidade, facilitando a leitura, facilitando o acesso a informação. Por ter relevância para todo o estado do Pará, a Alepa, que aqui representa os cidadãos paraenses, não poderia ficar de fora dessa passagem histórica em comemoração aos 70 anos do jornal”, disse o parlamentar.

“Democraticamente, o Legislativo representa a vontade popular da mesma forma que a imprensa representa as aspirações do povo paraense. Tanto o Poder que está homenageando quanto o veículo que está sendo homenageado são merecedores da acolhida da população nesses 70 anos”, comemorou o editor chefe do jornal, Lázaro Moraes.

Os deputados Cilene Couto e Coronel Neil também participaram da Sessão Solene e junto com os parlamentares Márcio Miranda e Celso Sabino entregaram aos diretores das ORM placas e diplomas alusivas ao aniversário de 70 anos do jornal impresso, comemorados no dia 15 de novembro.

O LIBERAL –  O jornal O Liberal surgiu em 1946 para defender o então senador Magalhães Barata e a sua legenda, o Partido Social Democrático (PSD). Vinte anos depois, em 1966, ele foi comprado pelo empresário Romulo Maiorana que revolucionou sua gráfica com a entrada de novas tecnologias, como a primeira impressão em offset, modernizando a forma e o conteúdo da imprensa. As adaptações tecnologias continuam, principalmente nos tempos atuais, com o avanço das tecnologias de comunicação. “Falar da história do jornal O Liberal é falar de uma referência da imprensa escrita brasileira. É um jornal que chega à marca dos 70 anos com absoluta modernidade, migrando para as plataformas digitais, acompanhando todas as mudanças e desafios que todos os meios impressos enfrentam no mundo todo. O jornal continua sendo um porto seguro para os investimentos publicitários”, disse Fernando Nascimento, superintendente da TV Liberal.